Website TemplatesJoomla TemplatesWeb Hosting
Presidente do Fundo Social de Barueri visita 3ª Feira de Artesanato da Cultura

Data: 22.10.2009 | Veículo: Portal da Prefeitura Municipal de Barueri

Teca Passos e Edson Motta mostraram aos visitantes do evento técnicas de pintura a óleo sobre tela com uso de espátula e pincel.

 

Realizada pela Secretaria de Cultura e Turismo, aconteceu de 15 a 17 a 3ª edição da Feira de Artesanato. A presidente do Fundo Social de Solidariedade, Sônia Furlan, visitou com o secretário de cultura, Getúlio de Azevedo, e a coordenadora Eunice Aparecida da Silva os 32 estandes montados no evento, para conhecer o trabalho realizado pelos artesãos e artesãs e demais artistas da região e da capital.

O 1º Workshop ou Feira de Artesanato da Secretaria de Cultura e Turismo de Barueri aconteceu em 2007, com objetivo de mostrar como produzir peças de artesanato natalino. Já no segundo evento, outros artesãos e artistas participaram para mostrar seus talentos e ensinar ao público interessado as mais diversas atividades artísticas.

E este, o terceiro evento e maior de todos, conseguiu reunir artistas plásticos de toda região e da capital, com os mais variados produtos. Além de expor seus trabalhos, os artesãos realizaram diversos workshops sobre as técnicas utilizadas nos seus trabalhos. O evento teve ainda uma mini praça de alimentação para os convidados e expositores com 10 barracas de salgados, doces e bebidas.

A presidente do Fundo Social, Sônia Furlan, visitou cada um dos estandes para conhecer os produtos e as técnicas, muitos provenientes de peças naturais como fibras verdes, folhas de bananeiras e bambu. As peças e técnicas também expressam a preocupação com o meio ambiente, criando peças lindas de todos os tipos (como brincos, colares, pulseiras e quadros), com materiais recicláveis como jornal, latas, tampinhas e garrafas pets.

“Vim participar da 2ª Feira e adorei, já trabalhava há três anos como artesã e produzia um pouco de peças, mas quando cheguei aqui e vi que podia fazer muito mais, procurei parcerias e pude trabalhar com muitas outras peças que fizeram ampliar meu ateliê. Hoje vim como expositora e professora, ensinando minha técnica com madeira, e não estou vencendo o número de pessoas que querem participar das aulas”, falou Luciana Alves.

A artista plástica de Alphaville Teca Passos, acompanhada do colega Edson Motta, mostrou e ensinou suas técnicas em pintura de óleo sobre tela em espátula e pincel. “Ensinamos o básico para as pessoas pintarem, não importa o resultado do primeiro trabalho, o que importa é o conhecimento do que se pode fazer com uma tela e um pincel nas mãos. Você passa para a tela até sentimentos”, contou Motta. “Seria muito bom se o público de Alphaville tivesse acesso a este tipo de evento ou que levássemos para lá, porque a arte e cultura são essenciais para a vida de qualidade, nela conseguimos extravasar nossos problemas e agradecer pela vida, que é linda”, completou Teca Passos.

Parcerias

A principal parceira da Secretaria de Cultura para realização deste evento foi a Mega Artesanal, empresa responsável pela realização da maior feira de artesanato do País, que acontece todos os anos no mês de julho, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo.

“Viemos trazer as parcerias das Tintas Corfix e Pincéis Castelo. Já é o nosso segundo evento em Barueri, faz parte da filosofia de trabalho destas empresas a realização de trabalhos de artesanato. São nestas feiras que estimulamos os artesãos e artesãs e ainda descobrimos talentos que vão com certeza usar os nossos materiais”, comentou Davi Jansen, acompanhado da professora Cristina Lima.

“Aqui eles vendem, apresentam seus produtos e as suas capacidades de produção, e ensinam a confeccionar de forma rápida e eficiente. Todos saem com uma boa noção de como fazer de um simples fuxico a uma peça em biscuit, uma paisagem na tela, ou até mesmo uma peça de madeira completa, lixada, envernizada e pintada, pronta para uso e tudo gratuitamente”, explica a coordenadora dos Núcleos Laborais de Barueri, Eunice Moraes Monteiro.

Durante a feira, o público presente pôde ainda assistir a apresentações musicais e de dança do ventre. “Esta Feira teve em média 500 pessoas circulando no evento, entre expositores, fornecedores dos materiais, visitantes, artistas, funcionários, enfim, uma Feira completa onde todos puderam comprar, aprender e ver quantas coisas bonitas as pessoas que moram ao nosso lado podem fazer. Temos muitos talentos em Barueri e região, só precisamos mostrá-los e incentivar os seus trabalhos, ou os dons que Deus lhes deu”, falou o secretário Getúlio Fogaça de Azevedo.

“Estou encantada com tantas peças lindas que podem ser feitas de materiais tão simples como jornal, folha de bananeira, bambu, uma lata de alumínio e tampas de garrafas. Quadros lindos com técnicas simples que qualquer pessoa pode fazer: da criança ao idoso. Até eu desenhei umas flores em um papel que se transformam num lenço lindo”, disse a presidente do Fundo Social de Solidariedade de Barueri, Sônia Furlan. “E o que é mais importante. Estas técnicas podem ser ensinadas ao público de baixa renda que o Fundo Social trabalha, de forma que eles possam gerar renda com estas peças ou para consumo próprio, porque têm preços mais acessíveis. O que vi hoje aqui é a Prefeitura de Barueri e a Secretaria de Cultura oferecerem à população a oportunidade de aprender, ou mesmo de despertar o interesse, o que também é muito saudável. Só tenho a parabenizar esta iniciativa”, complementou.

Voltar

 
Teca Passos. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Tikao Web Solution 2.0